Setor alimentício

Saiba como está o mercado de carnes atualmente

mercado de carnes

O cenário do mercado de carnes no Brasil é bastante animador, considerados os primeiros 7 meses de 2019 e as projeções futuras. As produções de aves e suínos, depois de um 2018 nem tão favorável, apresentam números positivos relacionados às exportações.

De acordo com os números divulgados pela Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA), houve também aumento na produção e o setor está em alta. Tal retomada torna o mercado promissor para os investidores e agrega oportunidades no segmento.

Que tal conhecer mais aspectos da temática e as expectativas para os próximos períodos? Prossiga a leitura e conheça esses pontos!

Comportamento do mercado de carnes

Segundo a ABPA, o desempenho do mercado de carnes promete seguir mostrando resultados positivos. Essa afirmativa se refere aos setores da avicultura e suinocultura, que indicam acentuado crescimento.

Essa expansão tem relação com as exportações para o mercado asiático, sendo que a China se destaca entre os mercados consumidores internacionais. As importações para esse país já somam 28,2% de toda a produção de carne suína brasileira e totalizam 13% da produção de frango.

Expectativas futuras para produção e consumo do produto

Quanto às expectativas futuras, a associação projeta que a carne de frango deva encerrar 2019 mostrando elevação de 1% na produção. Em relação à alta nas exportações, o crescimento esperado é de 4% a 5%, comparado ao período anterior. No tocante ao consumo das carnes, promete se manter na média de 41 quilos — valor por individuo, considerando o público interno.

Já para a produção e consumo de suínos, a alta esperada é na ordem de 1% a 2,5%. Com isso, o mercado produtor deve alcançar o patamar dos 4,1 milhões de toneladas. A associação projeta que o consumo do produto acompanhe a expansão da produção e cresça entre 1% a 2%, atingindo a marca dos 16 quilos.

Crescimento das exportações

As exportações de carne de frango apresentam crescimento de 5,8%, quando comparadas aos primeiros meses do ano com o período anterior. Essa expansão corresponde a 2,34 milhões de toneladas do produto que renderam uma receita 10,8% maior que a percebida em 2018.

A carne suína mostra números na razão das 414,4 mil toneladas comercializadas para mercados externos. Esse desempenho equivale a uma expansão das vendas na ordem dos 19,6%.

O comportamento do mercado de carnes em 2019 significa uma reação positiva do setor, após um ano que exigiu paciência. A alta nas exportações alavancou o segmento que, pela sua capacidade produtiva, está posicionado entre os principais fornecedores de carnes para o mercado internacional.

A demanda pela carne brasileira se deve a vários fatores, entre eles o aumento da comercialização do produto com a China. Mais elementos se articularam para compor o atual cenário favorável, como as vendas realizadas para a Rússia, Índia e União Europeia.

Gostou deste artigo? Compartilhe as novidades com os colegas em suas redes sociais!

3 comentários em “Saiba como está o mercado de carnes atualmente

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *